Blog da Laura Peruchi – Tudo sobre Nova York
turismo

O mapa de Nova York: noções básicas para se localizar na cidade

As dúvidas que eu recebo das pessoas muitas vezes acabam pautando os assuntos aqui no blog. O mais bacana de ter esse contato com vocês,  é descobrir os assuntos que interessam – e também me dar conta de que aquilo que é óbvio para mim pode não ser tão óbvio para vocês. Foi assim que surgiu a ideia do post de hoje! Eu percebi que os bairros de Nova York causam uma certa confusão entre as pessoas que viajam pra cá. A verdade é que a maioria dos turistas sabe se virar muito bem em Manhattan – em Midtown e Downtown. Mas o restante da cidade acaba sendo uma icógnita pra muita gente. Por isso, decidi fazer esse post para ajudar todo mundo a se localizar – tanto na hora de escolher a hospedagem e planejar o roteiro como na hora de curtir os dias aqui!

Nova York é a cidade mais populosa dos Estados Unidos e ela está dividida em 5 “boroughs” : Manhattan, Brooklyn, Queens, The Bronx e Staten Island. O mais famoso é a ilha de Manhattan, que acaba tomando 80% do tempo da viagem da maioria das pessoas (ou até 100%). Você acha que a ilha é grande? Comparada aos outros distritos, Manhattan não é nada…

Ainda falando em Manhattan, a ilha pode ser dividida em três grandes áreas: Lower Manhattan, Midtown e Upper Manhattan. Lower Manhattan compreende a região abaixo da Union Square (14th). Midtown é a região que vai da Union Square até a 59th St (onde começa o Central Park). E Upper Manhattan começa na 59th street e sobe até o fim da ilha. As regiões de Midtown e Upper Manhattan são todas divididas no sistema grade numérica, com ruas na horizontal e avenidas na vertical. Isso facilita muito a localização. Quase todas as avenidas tem números como nome (First Avenue, Second Avenue) e elas aumentam do leste para o oeste e as ruas (que são todas numeradas – do 1 ao 220)  aumentam do sul para o norte. Por isso que fica tão fácil andar pela ilha e se localizar rapidamente. Por exemplo, a Bloomingdale’s fica na 59th Street com a Lexington Avenue. O Empire State fica na Fifth Avenue, entre a 33 e a 34th St.  Na região de Lower Manhattan, o sistema é um pouco diferente, com ruas tendo nomes “comuns”. Essa região foi colonizada primeiro, por isso tem um estilo de localização mais bagunçado. O sistema de grade só começa a partir da 14th Street.

Além das três grandes regiões de Manhattan, temos ainda os  bairros/distritos dentro da ilha. No mapa acima, você consegue visuálizá-los e ter uma ideia da altura em que eles ficam localizados. O que eu percebo é que muita gente desconhece o fato de quem certos bairros ficam na ilha. Harlem, por exemplo, fica em Manhattan – e é dividido em três áreas, inclusive.

Você provavelmente já ouviu falar da Broadway e seus espetáculos, certo? Tá aí um termo que gera bastante confusão… A Broadway é uma avenida que começa em Downtown, perto do Battery Park e vai até a ponta norte de Manhattan. Diferente das outras avenidas da ilha, a Broadway não é linear, ela vai mudando a rota à medida que vai subindo no mapa. Em uma altura da ilha, ela está próxima da Quinta Avenida. Já em outra altura, está próxima da Sétima Avenida. A Times Square é o ponto onde a Broadway e a Sétima Avenida se encontram – e é ali na região da Times Square que acontecem os famosos espetáculos – que você escuta como musicais da Broadway. Tenha isso em mente… a região dos teatros dos musicais da Broadway é a Times Square e arredores.

Nos últimos anos, os outros bairros de Nova York ganharam destaque na rota turística. Quem me acompanha sabe que eu sempre bato na tecla de que a cidade vai muito além de Manhattan. Mas como falei lá no início do post, Manhattan é pequena comparada aos outros bairros… E se a ilha é “pequena” e a maioria dos turistas investe pelo menos uns 5 dias para explorá-la, podemos concluir que não dá pra conhecer os outros distritos em uma tarde, certo?  Por isso, quando você planejar o seu roteiro e quiser incluir o Brooklyn, por exemplo, você precisa definir quais bairros/regiões/pontos do Brooklyn. Vai só atravessar a Brooklyn Bridge e curtir o parque? Vai querer explorar Williamsburg? Conhecer a região de Coney Island? Exlorar Bushwick? Todas essas são regiões distintas que fazem parte do Brooklyn. Tenha isso em mente: não dá para “conhecer o Brooklyn” em um dia. No mapa acima, você consegue ter uma ideia da localização de cada bairro. 

O mesmo vale para o Queens… aliás, se você achou o Brooklyn grande, dá só um confere no mapa acima! Os dois aeroportos de Nova York ficam localizados no Queens. O JFK fica mais ao sul e o LaGuardia ao norte. O Queens virou destino alternativo de muitos turistas que querem economizar na hospedagem. Observe no mapa acima a localização dos bairros de Astoria e Long Island City y – eles ficam à beira do East River e, consequentemente, a pouquíssimas estações de metrô de Manhattan.

O The Bronx, bairro esquecido pela grande maioria dos turistas, também não é uma área pequena (e conta com hoteis, viu?). Muita gente tem receio de visitar a área, mas segundo uma análise de dados do New York Police Department – disponível aqui – Brooklyn está em primeiro lugar – oito bairros da região estão entre os mais perigosos. The Bronx está em segundo, com 7 bairros perigosos, Manhattan com 5 e Queens com nenhum. Muita coisa que escutamos é mito. Inclusive, o The Bronx conta com bairros que figuram entre os 20 mais seguros da cidade. No mapa acima, marquei alguns locais famosos na região – e vocês vão encontrar posts sobre eles aqui no blog!

E já que estamos falando do Queens, não custa fazer um adendo sobre Long Island City. O bairro destacado no mapa fica à beira do East River e os hoteis da região têm sido a escolha de muitos turistas que querem economizar com hospedagem. Dependendo de onde você se hospedar, estará a apenas uma estação de Manhattan e poucos minutos da Times Square. Mas quando estiver fazendo suas pesquisas, não esqueça que existe também a região de Long Island, que você pode ver no mapa acima e fica situada no sudeste do estado de New York, a leste da ilha de Manhattan.  Long Island contém quatro condados, dos quais dois são boroughs (Queens e Brooklyn) da cidade de Nova York, e dois dos quais (Nassau e Suffolk) são suburbanos ou rurais. No uso popular, o termo “Long Island” geralmente se refere apenas aos condados de Nassau e Suffolk, a fim de diferenciá-los da cidade de Nova York (é em Long Island que ficam os Hamptons!). Então, lembre-se: Long Island City é uma coisa, Long Island é outra coisa. 

Para encerrar, precisamos esclarecer alguns pontos sobre New Jersey. A área verde no mapa acima mostra o estado de New Jersey.  Lembre-se: New Jersey é um estado. Elizabeth (onde é o outlet Jersey Gardens), Hobokken (onde é a Carlos Bakery do programa de TV) Jersey City (onde é o Liberty State Park) Newark (onde é o aeroporto e há uma grande comunidade brasileira) são todas cidades do estado de New Jersey. Algumas são muito próximas umas das outras, algumas são muito perto de Manhattan, algumas contam com serviço de Path (metrô que vai até Manhattan), algumas só contam com ônibus, algumas contam só com trem. Está pensando em se hospedar em uma cidade em New Jersey? Simule o trajeto no Google Maps e verifique as opções de transporte disponíveis até Manhattan. O mapa abaixo mostra as opções de transporte de alguns hoteis em cidades de New Jersey até Manhattan.

Ufa! Acho que é isso! Espero que esse post tenha ajudado a elucidar essas questões de localização em Nova York. 


3 Comentários

  1. Excelente! Muito esclarecedor para todos nós, q amamos NY e ficamos tão em duvida quanto a questão dos bairros e do que pertence a que local. Parabéns, Laura! ??????

  2. Ótimo post, Laura! Apenas uma correção… Os cinco “Boroughs” são bairros e não distritos. Isso pode confundir quem lê o post e ainda não conhece a cidade. Há vários distritos (também chamados “vizinhanças”) dentro de cada bairro, por exemplo: dentro do bairro de Manhattan há o Financial District, Garment District, Upper West Side, Central Park etc.

Leave a Response