Blog da Laura Peruchi – Tudo sobre Nova York
comprasgastronomiaNYCturismo

Guia básico para quem vem a Nova York!

Há pouco mais de um mês, uma amiga veio pra Nova York e me pediu algumas dicas. Fiz uma espécie de guia para ela, com várias dicas para se virar por aqui. Daí, percebi que era um conteúdo bem útil para quem vem pra cá pela primeira vez e decidi adaptar aqui pro blog. Podem ter certeza de que são informações bem valiosas e que ajudam bastante na sua estadia por aqui

1. Saindo do aeroporto – muita gente paga um serviço de transporte ou táxi quando sai do aeroporto. Eu digo que não é difícil sair de lá usando transporte público e gastando muuuuuuuito menos. Tá certo que levar as malas em metrô é uma aventura, mas se você não estiver com muitas, vale tentar. No JFK, há o Air Train, que transporta os passageiros entre os terminais e leva até uma estação de metrô. Se quiser usar deste meio de transporte, já venha com um mapa das linhas pelo menos numa versão off line no celular ou impresso. A linha que vem até o aeroporto é a A, aí você checa no mapa onde trocar para chegar até o seu hotel. UPDATE: escrevi um post sobre o que vale a pena: metrô ou translado? Clique aqui.

2. Transporte – em Manhattan – e em boa parte do Brooklyn e Queens – dá pra fazer tudo de metrô. A primeira coisa a se fazer antes de usar os trens é comprar o MetroCard. Em qualquer estação, há máquinas para comprar o seu cartão – elas aceitam cartão de crédito e cédulas. Uma observação importante: se usar o cartão de crédito internacional, é preciso digitar um zip address durante a operação. Utilize 99999. O MetroCard pode ser abastecido com valor ou com tempo. Cada passada na catraca custa U$2,50. Ou seja, U$10 só vai dar pra duas idas e voltas, por exemplo. Por isso, sugiro colocar o passe por tempo. U$30 para uso ilimitado por 7 dias. Compensa muito! Fora que, gente! É no metrô que a gente conhece a cidade! Arrisquem-se mais, passeiem mais. Vejo que muitas pessoas ficam sempre na mesma área de NY e há tanto a ser explorado!

 E é muito fácil de usar o metrô. As linhas aqui são indicadas por letras ou números. Sempre que você for pegar um metrô, preste atenção à placa de entrada: Uptown ou Dowtown, ou Queens (sobe e vira) Brooklyn (desce) e Manhattan (depende onde você estiver!)  que indica se o metrô que passa ali sobe ou desce. Se não for o que você quer, o acesso ao outro lado provavelmente estará do outro lado da rua. A cada parada que o metrô faz, é avisado qual é aquela estação e qual a próxima parada. Ah, o MetroCard também pode ser usado para os ônibus, ok?

3. Pense na possibilidade de comprar um chip – ter um celular com internet para andar em Nova York facilita muito a vida por aqui! Primeiro, porque é bem mais fácil para usar o metrô. Obviamente que um mapa simples vai te ajudar, mas com a internet é uma maravilha. Você coloca o destino no Google Maps e ele vai dizer qual linha você precisa pegar, para que direção deve ir o trem (Uptown ou Dowtown), onde é a estação mais próxima, quantas paradas são até o destino. O mapa está dividido em avenidas e ruas e os endereços são indicados pelo número da rua e da avenida. Você cruza as informações e pronto. Muito fácil. Falando do chip, você compra em qualquer loja da AT&T (operadora daqui) ou T-Mobile e paga entre U$40 E U$60 – dependendo do pacote de dados escolhido. Se estiver em grupo, podem dividir o custo. Acho que não compensa habilitar a operadora do Brasil aqui.

4. Use aplicativos – falando em celular, não deixe de usar aplicativos para otimizar seu tempo e experiência aqui. O Yelp é um dos melhores para ser usado em Nova Yorkna hora de pesquisar restaurantes bacanas. Leia as dicas e resenhas para descobrir o melhor lugar para comer, a localização mais próxima, a média de preço. A gente usa muito!

5. Alimentação – Nova York é uma cidade super cosmopolita e dá pra encontrar qualquer tipo de restaurante por aqui. Um conselho de amiga: você certamente vem pra cá pensando em comprar de tudo – do último modelo de IPhone às maquiagens da Mac. Mas, aviso: reserve uma grana para comer em lugar legais e não viver só de fast food. Permita-se, experimente! Comer é uma das melhores coisas da vida e passar dias à base de lanches não é legal. Experiência própria – já fiz isso, mas hoje não abro mão de comer bem quando viajo. Ainda vou fazer um post com dicas do que você precisa comer quando vier pra Nova York, aguardem!

Falando em restaurantes, uma coisa super importante! Aqui existe a tip, como os 10% no Brasil. Você pede a conta e eles trazem a nota com o valor total e a sugestão de tip (se ela não estiver marcada, calcule 15% no mínimo). Se pagar com cartão, funciona assim: você entrega o cartão e eles trazem ele de volta com uma fatura pra ser completada e assinada com o valor da tip. Se for pagar em dinheiro, já deixe o valor com a tip. Aqui funciona muito na base da confiança, você deixa o dinheiro em cima da mesa e sai. Não tem caixa. Ah, no geral, os brasileiros não gostam de pagar esta tip, mas não é algo opcional (eu não gostava, mas tive que aprende a gostar hehe).

6. O que usar no inverno de Nova York? – Tudo bem que já estamos na primavera – perto do próximo inverno, farei um post mais detalhado dando dicas de como se vestir no invernão – mas, para fins de Google (pensando no engajamento haha), vou dar uma resumida básica. Por mais que você queira deixar para comprar roupas de frio aqui, aconselho trazer luvas e touca, porque se o frio pega, não dá pra andar sem. Eu sempre uso uma meia-calça daquelas grossas – que parecem legging sabe? – e uma calça de montaria por cima. Vale sempre usar blusinhas de algodão por baixo de uma blusa de lã e um casaco pesado por cima, além de cachecol. É bom sempre montar o look lembrando que ao entrar em qualquer lugar você vai tirar pelo menos casaco, touca e cachecol, por causa da calefação. Para comprar roupas de frio, vale olhar a Macy’s se você quiser investir num casaco bom – estrangeiro tem 10% de desconto, tem que se informar lá dentro, fazer uma espécie de cadastro. Na H&M e na Forever 21 dá pra achar casacos de inverno, vale olhar porque o preço é bom. Outra loja boa para comprar roupas de frio é a Brooklyn Industries, tem várias na ilha, inclusive no Soho. A Uniqlo é boa para comprar peças térmicas, tem na Quinta Avenida e na 34 street. E esqueça o salto, fia. Prefira botas confortáveis, porque aqui se anda muito. A bota que eu mais uso aqui é de uma marca brasileira ótima, a ConfortFlex.

7. Compras – obviamente, você já sabe que NY é o paraíso das compras, mas vou dar algumas dicas básicas. Na minha opinião, as melhores lojas da Forever 21 e da H& M ficam na Times Square – a primeira tem 4 andares e a segunda tem 3, super bem-servidas. A maior – e mais famosa – Macy’s fica na 33 e 34st – você verá, pode ter certeza. Ali perto também tem uma loja bacana da Victoria’s Secret, de três andares. Não costumo ir à Zara, mas tem uma ali na 34St também. Para maquiagem, na Times Square você encontra a Mac e a Sephora. O Soho é outro point para compras. Lá tem loja da Chanel, além de Armani, Calvin Klein, DKNY e também H&M, Forever 21, etc. Se quiserem eletrônicos, a melhor pedida é a Best Buy (há várias!). Para equipamentos fotográficos, a melhor loja é a B&H (440 9th Av). Além da Sephora e Mac, vale conferir também as farmácias Duane Reade e Walgreens (tem em todos os lugares) onde se encontra marcas como L’oréal, Maybelline, Revlon… e também a Ricky’s, que é uma loja onde você vai encontrar marcas top para cabelos, como Morroccanoil, Redken, Kerastase, etc. Tem na quinta avenida, Soho, e outros endereços também. Ah, tem também o Century 21, que é como uma loja de departamentos… é uma loucura, muita gente, mas dá pra achar boas marcas a preços bons.

Nota importante! Aqui o imposto incide na hora de pagar a conta. Nos Estados Unidos, a porcentagem varia conforme o estado. Em Nova York, a taxa é de 8,875%. Vale para tudo, inclusive pra conta no restaurante. Roupas e calçados que custarem até U$100 não são taxadas.Pra terminar, um vídeo bem divertido que todo turista deve assistir! É em inglês, mas bem fácil de entender!


7 Comentários

  1. Hahahhahaha, demaaaais, Laurinha! Ótimas dicas, de deixar geral com muita vontade de se atirar de malas e cuia. E o vídeo do muppet maluquinho?? <3 Amor puro. Tô pirando e já agendando o meu visto!

  2. Tô indo pra NY dia 17/04… ainda está frio pra gorro e luvas? Me ajuda, tô mega perdida pra montar a mala… bjss, Andrea.

  3. Laura suas dicas são ótimas. Estou anotando tuuuudo não gosto de perder tempo. quando viajo gosto de saber várias coisas e aqui no blog vc já está me esclarecendo muito. beijinhus – tanks

Leave a Response