modaModaVida Noturna

O que vestir à noite em Nova York? Dicas e ideias de looks!

Essa é uma pergunta recorrente aqui no blog – e também no meu Instagram e lá no grupo do Facebook. Quem vem para Nova York e tem programação noturna – seja um show da Broadway, uma apresentação de balé, um rooftop, um janta, um barzinho, uma balada – acaba tendo dúvidas sobre o que vestir – ou também como se vestir à noite durante o inverno. Depois de perceber que era uma dúvida de muita gente, resolvi trazer o conteúdo aqui para o blog e tentar dar uma ideia geral para vocês.

Acho que essa é uma preocupação de muita gente porque, no geral, no Brasil as pessoas reparam sim na roupa que você veste. Talvez em algumas cidades não seja assim, mas pela minha experiência, rola sim um raio-x básico, uma olhada mais detalhada. Que fique claro que olhar não é, necessariamente, algo ruim, mas no geral eu diria que nós, brasileiros, somos um pouco indiscretos, digamos assim – por favor, não se ofendam, não é nada pessoal e sim cultural. Talvez isso explique a preocupação com a roupa escolhida para essas ocasiões noturnas, que costumam ser mais especiais.

Porém – e quem me acompanha sabe, pois já falei várias vezes sobre esse tópico – aqui em Nova York, no geral, há muita liberdade para você se vestir do jeito que quiser – já que as pessoas não ligam nem reparam. Ou, se reparam, fazem com muita discrição. A preocupação com a roupa que você veste é pertinente no caso de locais que exigem certo dress code – aí sim, é preciso ficar atento e seguir regrinhas. Caso contrário, você pode ser barrado. Isso vale para baladas, rooftops e alguns restaurantes. Falaremos mais sobre isso a seguir.

A seguir, eu separei algumas inspirações de looks de inverno e de verão e falarei um pouco sobre eles. É óbvio que as escolhas desse post refletem meu estilo e meu gosto pessoal, mas é mais para vocês terem uma ideia de que, no geral, vestir-se para sair à noite em Nova York não é nenhum baile de gala!

Quer dicas de baladas, bares e rooftops? É só clicar aqui e explorar os posts de vida noturna!

Para sair no inverno 

  • Tenha peças térmicas – elas são finas e podem ser usadas embaixo de camisas mais sofisticadas, por exemplo, ou outra blusa arrumadinha de sua preferência. Vale usar a meia-calça térmica por baixo da sua calça (seja ela jeans, de alfaiataria ou pantalona, por exemplo).  Falei mais sobre roupa térmica neste post aqui
  • Monte o look normalmente – insira as camadas térmicas, use o look que você almeja e lembre sempre que por cima disso tudo você estará com um casaco pesado! O ideal é dispensar a segunda camada – que geralmente é lã, fleece ou cashmere – e trocar por uma blusinha comum de mangas compridas. Isso porque, ao chera ao local, você vai tirar o casaco, já que a calefação é sempre forte!
  • Considere o tempo que você ficará exposta ao frio – normalmente, quando eu saio à noite, eu sempre checo o itinerário e faço meu planejamento. Se vou de metrô, quanto tempo vou caminhar até a estação, quando tempo vou caminhar estação até o local onde estou indo, etc. Ou seja, meu tempo de exposição ao frio é curto, então, eu sei que não vou passar frio!
  • Calçados – a não ser em casos de dress code estrito, você não tem que usar salto não, então relaxa. E, com criatividade, dá
  • Sobre os saltos – tenho alguns saltos, mas eles são confortáveis e justamente para esse tipo de ocasião em que não vou andar muito. Então, a dica que eu daria é essa: usar saltos somente para caminhadas curtas. Mesmo que você seja habituada a andar de salto, lembre-se que, estando em Nova York, você já vai andar muito durante o dia, então, é provável que suas pernas estejam cansadas à noite.
  • Acessórios sempre são de grande ajuda – um colar bacana, um lenço estiloso ou até mesmo um batom marcante já fazem diferença no look!
  • Vista-se para você e não para impressionar os outros – use aquilo que faz você se sentir bem! Não precisa fugir do seu estilo só porque está em Nova York.
  • Para rooftops – dispense os calçados informais (como tênis) e invista em um calçado mais arrumado, principalmente às sextas e sábados.

Montei a pasta abaixo no Pinterest com algumas ideias – esses looks são super usáveis em restaurantes, shows da Broadway, grandes shows musicais, etc. 

PS: como no inverno anoitece mais cedo, acho interessante voltar ao hotel, tomar um banho (que também ajuda a aquecer) para se arrumar para sair. Porém, não é mandatório. Se o seu compromisso é mais cedo, monte um look versátil! Como dá para ver pelo board abaixo, não tem frescura.

PS2: obviamente, você deve seguir a sua criatividade e o seu estilo na hora de se vestir. Acredito que, ao compartilhar as ideias abaixo, estou contribuindo para mostrar a vocês aquilo que é mais adequado – e não é muito, como podem perceber.

Para sair no verão

  • A terceira peça – uma pashmina, um blazer leve, uma jaqueta jeans, uma camisa jeans: todos esses itens são interessantes para compor o seu look noturno de verão, já que no verão o ar condicionado pode ser forte e incômodo, principalmente quando você ficará bastante tempo num local fechado – teatro da Broadway, por exemplo.
  • Aposte no tênis branco – é um calçado versátil e charmoso para looks de verão e transita bem em looks diurnos e noturnos.
  • Sobre os saltos – vale a dica anterior: considere saltos somente para distâncias curtas de caminhadas. Lembre-se que os pés ficam propensos a inchaços no verão e isso pode causar bolhas e desconforto.
  • Acessórios sempre são de grande ajuda – um colar bacana, um lenço estiloso ou até mesmo um batom marcante já fazem diferença no look!
  • Vista-se para você e não para impressionar os outros – use aquilo que faz você se sentir bem! Não precisa fugir do seu estilo só porque está em Nova York.
  • Para rooftops – dispense os calçados informais (como tênis) e invista em um calçado mais arrumado, principalmente às sextas e sábados.

Montei a pasta abaixo no Pinterest com algumas ideias – esses looks são super usáveis em restaurantes, shows da Broadway, grandes shows musicais, etc. 

E as baladas? Talvez muita gente não saiba, mas a grande maioria das baladas em Nova York não cobra entrada para mulheres. Porém, o requisito para entrar é um tanto polêmico: quem está na porta decide se você entra ou não, levando em conta o seu look. Por isso, é essencial consultar o dress code do local que você pretende visitar. Uma rápida pesquisa no Google já vai te ajudar. Coloque o nome do local + NY + dress code para encontrar informações. É prática comum na cidade passar por um critério de admissão, em que a hostess verifica se as pessoas interessadas em ingressar na balada estão vestidas de acordo com o ambiente, e é claro, se estão bonitas e atraentes. É necessário vestir-se bem – o que não quer dizer ter roupas de marca e uma bolsa Chanel. Uma roupa bonita (não precisa ser provocativa, ao contrário do que muitos pensam) acompanhada de uma maquiagem bacana, daquele salto incrível (e confortável!) e um dos itens mais importantes: o sorriso. Algumas pessoas chegam à porta da balada um tanto quanto apreensivas, com a cara fechada e com medo de serem barradas.O dress code pode garantir que o doorman libere a sua entrada, e, muitas vezes, VIP! Autoconfiança é tudo!

Porém, no geral, quem vai a baladas e rooftops badalados da cidade, deve evitar: tênis, bonés, jeans rasgados, jeans super largo, camisetas, moletom, leggings.

Montei a pasta abaixo no Pinterest com algumas ideias para looks noturnos. Mas, lembre-se:

  • Respeite o seu estilo. Quando você se veste para sair à noite onde você mora, como você se veste? 
  • O preto é a cor dominante no guarda-roupa de quem mora aqui, seja no inverno ou no verão.
  • Uma maquiagem legal é bem-vinda, mas, novamente, respeite o seu estilo! 

Uma última dica: procure pelo local que você pretende ir (clube ou rooftop) dentro de “locais” no Instagram. Navegue pelas fotos que as pessoas fazem usando a localização, perceba como elas se vestem. É uma ótima maneira de saber como costuma ser o dress code daquele lugar. 

Leave a Response