Diário de viagem

Diário de viagem a Nova York – Tatiana Fonte

O Diário de Viagem é uma seção que traz relatos de leitores do blog. Nesses relatos, eles contam como foi a viagem a Nova York, o que mais gostaram de fazer, o que não gostaram, dividem dicas, enfim: um diário mesmo. A convidada de hoje é a Tatiana Fonte, do Rio de Janeiro. Ela ficou 7 dias na cidade, em maio de 2018. Para conferir mais relatos, clique aqui.

Cheguei dos Estados Unidos, passei uma semana em Nova York e a melhor parte, saí apaixonada de lá e, como viajava com meu filho, continuamos a viagem na Disney, que foi muito legal. Minhas dicas são coisas que já foram ditas no grupo e no blog.

Dia 1 – foi muito rápido no aeroporto: em menos de meia hora, estávamos no Airtrain. Ficamos hospedados no Red Lion em Long Island City e o hotel é ótimo para o que queríamos, bom atendimento, ótima cama, limpo, estilo Ibis no Brasil, com café da manhã incluso. Pagamos $100 a diária.  Na esquina, tem a estação Queensboro Plaza e a cerca de 300 metros tem mais duas estações que passam outras linhas. Apesar de não estar na ilha, chegava em 15 minutos tranquilamente. O custo-benefício foi ótimo. Deixamos somente a mala e fomos para a tour do Madison Square, para quem gosta de basquete e está indo fora da temporada, é um passeio bem bacana. Passamos pela Quinta Avenida e fomos ao Museu de História Natural, pagamos o que quisemos, almoçamos um lanche sentados nos bancos do Central Park, fomos ao show no Lincoln Center e jantamos no Red Lobster.

Reserve o Hotel Red Lion.

Clique aqui e saiba mais sobre o tour pelo Madison Square Garden.

Dia 2 – dia do Movie Tour do Jayme Ribeiro, simplesmente fantástico. Fizemos os dois tours, de terça e de quinta. Vale muito a pena! O Jayme tem muito conhecimento, os tours possibilitam conhecer a cidade de forma objetiva, com historias, filmes, é uma delícia! O passeio dura uma boa parte do dia e você não percebe o tempo passar. Pena que acaba. A quantidade de locais que conhecemos e pontos que jamais iríamos… Além de tudo isso, ainda me ajudou a comprar rush tickets por apenas U$39 para School of Rock, que assistimos naquela noite. Entre o tour e a Broadway, fomos ao One World Observatory.

Saiba mais sobre o Movie Tour.

Compre ingressos para as atrações turísticas de Nova York.

Compre ingressos para a Broadway clicando aqui.

Dia 3 – estava chovendo bastante e resolvemos ir ao shopping do Queens e almoçamos no Chesecake Factory. À tarde, fomos ao MoMa e passamos no espaço da Samsung, que é um atrativo para crianças, e depois comemos no Chelsea Market.

O que fazer em Nova York em dias de chuva?

Saiba mais sobre o espaço da Samsung em Nova York

Dia 4 – Segundo tour do Jayme e, depois do tour, fomos à Roosevelt Island, uma delícia. Passamos na Dylan Candy Bar, batemos perna pela região, fomos na Grand Central Station e jantamos por lá.

Dia 5 – fomos ao Metropolitan Museum, pegamos o áudio-guide e viajamos pela história da arte. Incrível. Depois, um pulinho para ver outro ponto do Central Park. Fomos ao Ocean Encounter da Nathional Geografic e tentamos trocar os ingressos para Top of the Rock, mas acabamos trocando só para domingo, pois para sexta só teria depois das 22h.  Passeamos pela área e jantamos no Dave & Buster’s.

Dia 6 –  fomos à Estátua da Liberdade e sim, vale muito a pena ir. Do barco e possível tirar as fotos, mas, para mim, fez todo o sentido ir até a ilha. Há áudio guide em português. As fotos da ilha ficam boas também. O barco para na ilha dos imigrantes também, mas assim como o Memorial do 11 de setembro, preferi não descer, são lugares com energia bem pesada. Depois do passeio, passamos na Century 21, NFL Experience e Gulliver’s Gate, ambos incríveis para crianças e eu também curti bastante. Ao final do dia, assistimos à peca do Bob Esponja na Broadway, consegui o ingressos através da loteria online, vale muito a pena!

Compre ingressos para a Estátua da Liberdade, NFL Experience e Gulliver’s Gate clicando aqui.

Compre ingressos para a Broadway clicando aqui.

Saiba mais sobre loteria online

Dia 7 – último dia em Nova York. Deixamos as malas no saguão e fomos para o culto na Brooklyn Tabernacle, lindo! Depois, subimos no Top of the Rock. Almoçamos em um pub que fica ali do lado e fomos pegar as malas e rumo para o aeroporto de LaGuardia. Fui de Lyft e usei o desconto do blog da Laura. Saiu por U$20. Todo os trajetos na cidade eu fiz com Metrocard ilimitado.

Saiba mais sobre a The Brooklyn Tabernacle.

Saiba mais sobre Lyft e outros apps

Durante a viagem, usei o passe da Sightseeing Flex, dá para comprar quantas atrações desejar e escolher quais deseja ir. É válido durante 14 dias a partir do primeiro dia de uso. Para mim, valeu muito a pena. Não utilizei para os museus, pois tenho carteirinha de estudante (MBA) brasileira, que é aceita e reduz bastante o valor da entrada.

Obrigada pelo seu relato, Tatiana!

Gostaram do relato da Tatiana?  Se você quiser participar, envie seu relato para análise para laura@lauraperuchi.com COM FOTOS, seu nome completo e cidade/estado. LEMBRE-SE que é preciso ser detalhista. Não precisa escrever um livro, mas seu relato tem que ser informativo!


Leave a Response