serviçosturismo

Além do táxi amarelo: Uber e mais três apps para usar em Nova York

Quando você pensa em Nova York, que imagem vem à cabeça? Estátua da Liberdade, Central Park e… táxis amarelos, certo? Realmente, os yellow cabs são praticamente cartão postal da cidade. Mas, como a tendência agora é a otimização e tecnologia, aplicativos como o Uber vêm ganhando espaço e criando polêmicas. No Brasil, a situação está bem tensa. Um reflexo disso tudo é claro: vários taxistas se viram obrigados a melhorar o serviço prestado. Fica a prova de que um reinado absoluto não dura para sempre. Apesar de aqui em Nova York os táxis amarelos serem figuras tão clássicas da cidade, os motoristas não têm a melhor fama. Por isso, além do Uber, nos últimos tempos surgiram vários outros aplicativos de transporte em carros. Listo hoje os mais famosos – e mais bem cotados.

ATENÇÃO: OS APPS SÓ ACEITAM CARTÃO! E lembre-se que é preciso pagar gorjeta de 15 a 20% para táxis, ou seja, ainda assim, vale pagar o iOF no cartão de crédito. 

Para quem não tem ideia de como esses aplicativos funcionam, aí vai uma explicação básica: você baixa o app em seu smartphone, completa o cadastro – que vai solicitar o seu cartão de crédito – e pronto. Você acerta a sua localização no mapa – geralmente ele acerta, mas sempre gosto de conferir se o GPS pegou o endereço certinho – insere o endereço de destino e solicita o carro. Pronto. O aplicativo informa o modelo do carro, a placa, o nome do motorista e a previsão de chegada – e a cobrança não envolve dinheiro: é feita pelo seu cartão no app.

Uber – não dá pra falar sobre este assunto sem citar o Uber, né? Não sei se ele foi o primeiro, mas é hoje o mais famoso. Sua frota de carros chegou a ultrapassar a de táxis amarelos em Nova York. O que acho mais bacana do Uber aqui na cidade é o número de categorias disponíveis. Além do UberX e do UberBlack, há o Uber Pool, categoria em que você divide a carona e economiza até 25%. Quando você escolhe o Uber Pool, o sistema procura alguém que selecionou a mesma categoria e está indo na mesma direção que você. Já usamos algumas vezes e foi super de boa! Outra função bacana do Uber é o “Share this ride”, ótimo para quando você quer dividir a corrida com alguém. Ah, vale lembrar que o Uber X vai ser sempre mais barato que o Uber Black – a diferença entre os dois é que o UberBlack oferece carros sedãs médios, com bancos de couro e sempre na cor preta. Já o UberX oferece carros compactos ou sedãs pequenos, têm ar condicionado e podem ser prata, cinza ou preto.

Use meu código para ganhar uma corrida de até U$15: hbmmh

Lyft – depois do Uber, o Lyft é o mais popular em Nova York. Enquanto o Uber tem a filosofia de oferecer um motorista particular para todo mundo, o Lyft já prega que seus motoristas são como amigos. Particularmente, já usei Lyft e Uber e não senti nenhuma diferença: motoristas bem educados e bem discretos, mas o Lyft, em tese, oferece corridas mais baratas que o Uber. Porém, em qualquer um dos dois, é preciso ficar atento: há períodos de pico em que a taxa base dobra de preço, por conta da demanda. Não se preocupe, o aplicativo avisa quando o preço está mais caro que o normal, para que você esteja ciente de que vai pagar mais. O Lyft também faz corridas de/para os aeroportos LaGuardia e JFK. No Lyft dá pra escolher o carro pelo número de assentos: Line (2 pessoas), Lyft (4 pessoas) e Plus (6 pessoas).

Use meu código para ganhar U$15 em créditos para 3 corridas: LAURA195038

Via – Smarter Shared Rides – é um aplicativo para corridas compartilhadas, como Uber Pool. É meu aplicativo favorito, já que seus preços são sempre atrativos – muito por conta de serem corridas compartilhadas. Outra coisa bacana é que o Via faz itinerários rápidos, através das avenidas, parando para pegar e deixar passageiros sempre nas esquinas próximas dos seus endereços, facilitando o fluxo. Está disponível em toda a cidade e também nos aeroportos JFK, LaGuardia, e Newark. O tempo de espera por um carro é de, em média, 5 minutos e as corridas começam em U$5! O Via também tem opção de carros privados – quando você insere o endereço de partida e chegada, ele dá a opção de carro compartilhado e carro privado. Considero o Via um ótimo custo-benefício para ir e voltar do aeroporto também! Baixe o app clicando aqui.

Use meu código para ganhar U$10 em créditos: LAURAPERUCHI

Gostaram do post? Conheciam todos esses apps? Lembrem-se que ao se cadastrar nestes aplicativos é preciso digitar um código que é enviado através de SMS.  E deixem para baixar os app mais próximo da viagem, pois alguns códigos têm validade curta!


22 Comentários

  1. Oi Laura. Eu instalei o Ubber aqui no brasil e cadastrei o seu código para testar. Apareceu um crédito de R$20,00. Será que quando eu usar em NY esse valor será convertido ? Ou só poderei usar no brasil?

  2. Laura, veio na hora certa este post 😉
    Vou chegar 6h da manhã no Aeroporto Newark, cheia de malas, é tranquilo pedir um uber para Manhattan?
    Tks

  3. Laura, bom dia! Dá uma ajuda… Estamos aqui em NYC, mas não viemos com telefone habilitado, instalamos para aplicativos, mas nenhum funciona pq tem q confirmar o telefone. Nesse caso, o que fazer?
    obrigada…

      1. O que eu faria seria utilizar o chip antigo do brasil (já cadastrado no uber) e chamar o Uber usando o WI-FI do aeroporto. Funcionaria assim?

  4. Laura bom dia 🙂 Gostaria de saber quanto as malas. Iremos 4 pessoas, cada um com uma ou duas malas. Há algum tipo de pedido que comporte o número de malas?

Leave a Response